Tag Archives: danças

Ensaio Fotográfico: Divino

Muitos afirmam existir uma energia superior nos congados  além do religioso e o profano. Os grupos de congados surgiram no século XVII, em Minas Gerais, na forma de sincretismo, dessa forma, os escravos demostravam sua fé nos Deuses africanos, conhecidos como Orixás, venerando Santa Efigênia, São Benedito, Nossa Senhora do Rosário e outros.

Em São João del-Rei, acontece a Festa do Divino desde 1774, porem ela foi proibida em 1924, retornando somente em 1998, quando um grupo de pessoas, formaram a “Comissão do Divino”, resgatando a festa e inserindo a participação de grupos de congados. Antes da proibição da festa eram realizadas “cavalhadas”.

Nesse ensaio, denominado “Divino”, utilizo através das luzes e da longa exposição na captura das imagens, uma forma de representar a energia e fé transmitida através dos tambores, chocalhos, danças e diversas outras formas de manifestação religiosa e cultural.

As fotografias foram realizadas durante a procissão luminosa do Divino Espirito Santo, dia 19 de maio, nas ruas do bairro de Matosinhos, em São João del-Rei.

Fotos: Thiago Morandi/Alecrin Fotocinegrafia

Anúncios

Salve o Divino!

Detalhe da mão de um Capittao de Congado

No domingo, dia 27 de maio, foi comemorado o Pentecostes, dia em que se celebra a devoção ao Divino Espirito Santo. Na igreja do Senhor Bom Jesus de Matosinhos, em São João del-Rei, foi celebrada com muita cor, fé, danças e cânticos, manifestada com diversos grupos de congados, de várias regiões de Minas, que compareceram à festa.

A Festa do Divino tem sua origem em Portugal. Conta-se  que a Rainha Santa Isabel (1217-1336), teria sonhado com um pedido de Deus para que ela construísse uma igreja em honra ao espírito Santo em Alencar, Portugal. No Brasil, podemos dizer que essa festa chegou junto á colonização.

Em São João del –Rei, a Festa do Divino, inicio-se em  1774, na antiga igrejinha do Matosinhos, que foi demolida na década de 1970. Entre os anos de 1924 e 1998, a festa foi suspensa por ordem do então Bispo de Mariana. Em 1998, com o esforço do de u m grupo de fiéis a festa foi resgatada.

Abaixo um pequeno ensaio fotográfico dessa manifestação.

Este slideshow necessita de JavaScript.

#contesuafoto mais uma intervenção do coletivo Sem Eira Nem Beira

No dia 06 de maio de 2012, o Coletivo Sem Eira Nem Beira realizou em São João del-Rei a intervenção: Conte sua foto! Numa bela tarde de domingo, preenchida por um som ao vivo pra lá de ótimo, as pessoas presentes contaram sua fotografia e mostraram um pouco de sua história.